Paraíba, tranquilidade à beira mar

Paraíba

Localização: Nordeste

Paraíba oferece, além do São João, praias lindas de águas quentes e calmas, uma hospitalidade tradicional do povo nordestino e dias longos, claros e tranquilos. Com o calor que se faz sentir durante o ano inteiro, os visitantes aproveitam para visitar as praias urbanas de João Pessoa, a capital do estado. No total, são 30 km de praias à escolha dos turistas. 

Explore as praias paradísiacas, a gastronomia saborosa, as festas típicas, os parques de paleontologia e se encante com a hospitalidade dos paraibanos!

Pacotes

FALE COM ESPECIALISTAS

Capital: João Pessoa

Principal Aeroporto: Aeroporto Internacional de João Pessoa – Bayeux

Código do Estado: +55 83

Fuso horário: Horário de Brasília, mas não adere ao horário de verão

Eletricidade: 220V

Informações turísticas online: http://www.destinoparaiba.pb.gov.br/

  • Mais desertas e só recentemente descobertas pelos visitantes, as praias no sul de Paraíba são marcadas por formações rochosas e passeios de buggy pela orla.
  • Quem visitar o estado também não pode deixar de conhecer um dos mais importantes sítios arqueológicos do mundo. Localizado no município de Sousa, o sítio chamado popularmente de Parque dos Dinossauros, reúne mais de 50 tipos diferentes de pegadas de animais pré-históricos.
  • Além dos mariscos, abundantes em toda a costa paraibana, dois pratos são considerados típicos da região: a carne de sol e a buchada de bode, ambos especialidades do sertão. A carne de sol pode ser apreciada em restaurantes, onde vem acompanhada de macaxeira, feijão verde e manteiga da terra. Já a buchada de bode é um prato forte, à base de miúdos temperados e preparados num rolo feito a partir do próprio estômago do animal.
  • O bordado e o crochê estão entre as técnicas artesanais mais comuns em Paraíba. São usadas em peças como bolsas, colchas, toalhas e aplicadas em camisas. Os artesãos locais também são especialistas em trabalhos de cerâmica.
  • No Brasil existem dois tipos diferentes de festas juninas. No Nordeste as festas dura muitos dias, e são realizadas em junho, onde os ritmos como o forró, o baião e o xote dão o mote à comemoração.
  • As comidas das festas nordestinas também são um pouco diferentes das do restante país, com o uso de temperos locais, como o óleo de coco e o azeite de palmeira na preparação de alguns pratos.
  • Na Paraíba comemora-se “o maior São João do mundo”, em Campina Grande. É uma celebração de um mês, com direito a muito forró, iguarias típicas da época e uma animação apenas comparável ao carnaval da Bahia.